segunda-feira, 1 de junho de 2009

A Sombra

Image and video hosting by TinyPic

Cruel existência esta vida que mora em mim,
Cada momento de vivência é atroz,
Alguém ouve minha voz...
A dor dilacera os meus orgãos quase mortos,
Desgastados pelos mesmos desgostos,
Saliências de morte em cada esquina.
O pudor de uma menina,
Esta maneira de falar, estranha e sombria...
Escondida em plena alegria.

Manuela


desligue a musica carregando em pausa na barra do lado


Foto digital Olhares.com

2 comentários:

Anna disse...

Você escreve lindamente!!
Super legal
Beijos

fire disse...

Parabéns gostei muito do que vi e li