quinta-feira, 10 de junho de 2010

O sofrer do ser



Este meu ser que vive dentro de mim,
Está escondido no meu peito,
Um lamento pregado na Alma,
Um sofer imenso de despeito.

Sofrer por sofrer,
Não é bem assim,
Desde que nasci sofro,
Até que tenha um fim.

Só quem sabe o que vai na Alma,
Só quem sofre sente,
E quem diz que nunca sofreu,
Concerteza é porque mente.

Manuela

Imagem Olhares.com

2 comentários:

LOURO disse...

Olá Manela!

Linda postagem!!! Com um poema triste mas sentido...

Só quem sabe o que vai na Alma,
Só quem sofre sente,
E quem diz que nunca sofreu,
Concerteza é que mente.

Beijinhos de carinho e amizade
Lourenço

Pérola disse...

Obrigado amada pela visita rs.
Seu poema é belo mas um pouco tristinho.
Tá tudo bem?
Beijokas lindona rs